Depois encenar assassinato de João Pessoa, diretor Tarcísio Pereira refaz vida de Napoleão Laureano

Depois de encenar o episódio político mais controverso da história paraibana, a Revolução de 30 e o assassinato do presidente João Pessoa, o dramaturgo e diretor de teatro Tarcísio Pereira volta a surpreender levando para o palco a vida do sanitarista Napoleão Laureano; agora numa iniciativa inédita da Câmara Municipal de João Pessoa, que tem em meta homenagear seu patrono. O diretor inicia seleção de elenco já esta semana com os funcionários da casa.

O espetáculo, “Um Certo Napoleão”, vai assinalar o 70ª aniversário da Câmara Municipal. A morte do médico paraibano do município de Natuba, pioneiro em campanhas de conscientização, prevenção e tratamento do câncer, ele mesmo vítima da doença, será resgatada pela narrativa teatral.

- O espetáculo também estará aberto á participação de atores, além dos servidores da Câmara, disse Tarcísio em vídeo postado em sua página no Facebook.

A vida e a luta de Laureano contra o câncer formam a base do roteiro escrito por Tarcísio, que já tem expertise em resgatar personagens históricos paraibanos e nacionais na sua dramaturgia, que também virou canção da dupla sertanejo Tonico de Tinoco.

Na canção ‘A Morte do Dr. Laureano’, os sertanejos falam do paraibano que “Para o bem da humanidade/Destinado a triste sorte/Lutou contra a própria morte”.

Da Redação

Tags:

Por Trás do Blog
Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga "PELO MUNDO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black