Jornalista lança neste sábado livro sobre origens da Baía da Traição na Livraria do Luiz

A Livraria do Luiz (Galeria Augusto dos Anjos) fecha a sua programação comemorativa aos 50 anos neste sábado, 30, com um debate sobre o livro “A Baía que Traiu Portugal”, romance histórico de autoria do jornalista da área de Política, Ademilson José.


Romance traça panorama do Tribunal do Santo Ofício e a condenação do índio Pedro Poty


O livro trata da das origens da Baía da Traição, vida e morte do índio potiguara Pedro Poty.


O debate começa às 10hs e vai contar com as participações dos professores Edvaldo Lira e Ronilene Diniz, ambos do Instituto do Patrimônio Histórico e Geográfico (IPHAEP), e também do escritor e poeta Políbio Alves.


Ademilson José, jornalista da área de Política, explica o conflito entre a Baía da Traição e a Coroa Portuguesa


“O livro tem dois focos: os relatos que mostram porque a Baía da Traição acaba ganhando esse nome, e o resgate do nome de Pedro Poty que, por defender o Brasil-holandês e ter se convertido, foi torturado e morto a mando da Coroa Portuguesa e da Santa Inquisição, explicou o autor.